Publicidade

Correio Braziliense

Jovem de Brasília vai estudar medicina na Rússia

Beatriz Heinle foi selecionada pela Universidade Médica Estatal de Kursk


postado em 12/02/2020 16:49 / atualizado em 13/02/2020 16:18


Beatriz Heinle, estudante que passou em medicina na Rússia.(foto: Nicolas Braga/Esp. CB/D.A Press)
Beatriz Heinle, estudante que passou em medicina na Rússia. (foto: Nicolas Braga/Esp. CB/D.A Press)
 
A vontade de estudar medicina na Rússia, segundo Beatriz Heinle, 17 anos, surgiu quando o avô dela contou sobre duas pessoas próximas a ele que cursaram a graduação na Universidade Médica Estatal de Kursk - localizada na cidade de Kursk distante cerca de 530 km de Moscou. Desde então, Beatriz e o irmão, Matheus Heinle, 18 anos, sempre se dedicaram aos estudos no ensino médio para conseguir a tão sonhada aprovação na universidade russa. O irmão de Beatriz  cursa medicina naquele país há dois anos, e agora chegou a vez dela.

A jovem revela que sempre teve o sonho de morar fora, e quando seu irmão foi estudar, também medicina, na Rússia, ela se encantou ainda mais. “Meu irmão fala muito bem da faculdade, dos professores e dos amigos que fez lá”. Beatriz expressa sua emoção ao falar sobre o momento em que soube que foi selecionada. “Quando recebi o e-mail da universidade, eu estava na escola com os amigos. Fiquei muito feliz”, relata.

Beatriz conta que o apoio dos pais foi fundamental para ela tomar a decisão de morar fora. A mãe da jovem, Patrícia Heinle, 43, servidora pública, garante que a filha está preparada para essa nova etapa da vida. “Minha sensação é de dever cumprido. Ela e o irmão me passaram essa segurança para deixar eles irem para lá”, declara.

Ao falar sobre ter dois filhos morando longe, o pai de Beatriz, Ademir Heinle, 51, aposentado, reconhece que essa ruptura com os filhos ocorreria. “Nós sabemos que um dia os filhos vão embora. Então, a gente foi os preparando da melhor maneira que pôde. E o coração, nós vamos administrando a saudade”, diz orgulhoso da conquista da filha.

Beatriz confessa estar ansiosa para viajar, mas que já sabe um pouco de russo. Ela embarca na próxima segunda-feira (17), e as aulas começam na quarta-feira (19). “Eu me preparei, estudei muito para conquistar esta vaga. Estou ansiosa pela viagem, mas me sinto confortável com a ideia de morar longe dos meus pais”, afirma. A jovem diz que pretende se especializar em cardiologia, e que, após sua formatura, pretende tentar residência nos Estados Unidos.
A estudante Beatriz conta que se dedicou muito para conquistar a vaga.(foto: Nicolas Braga/Esp. CB/D.A Press)
A estudante Beatriz conta que se dedicou muito para conquistar a vaga. (foto: Nicolas Braga/Esp. CB/D.A Press)

De acordo com Carolina Tellez, diretora da Aliança Russa, empresa responsável pelos trâmites para estudantes brasileiros que querem estudar na Rússia, cerca de 500 brasileiros estão fazendo medicina na Universidade Médica Estatal de Kursk. A cada semestre, pelo menos, 20 brasileiros se formam nessa universidade russa. Para ingresso neste primeiro semestre do ano, aproximadamente, 20 alunos brasileiros foram selecionados. Além de Beatriz, outra brasiliense foi selecionada pela Universidade Médica Estatal de Kursk.

Segundo Tellez, o programa do qual Beatriz participa faz parte do projeto de incentivo do Governo Russo para que alunos estrangeiros ingressem nas universidades do país. O programa existe desde 2005, e dispõe para esses estudantes valores menores para as mensalidades. O valor do curso de medicina, por exemplo, sai por cerca de R$ 2.170 por mês.

O estudante interessado em fazer uma graduação na Rússia, para verificar informações sobre valores e documentações necessárias, pode entrar em contato com a empresa por meio do site, por telefone (11) 4551-3836 ou pelo e-mail secretaria@aliançarussa.com.br
 
*Estagiária sob supervisão da editora Ana Sá 
 
 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade

MAIS NOTÍCIAS

publicidade
publicidade
Renapsi oferece 74 vagas de jovem aprendiz 07:00 - 12/07/2020 - Compartilhe

Renapsi oferece 74 vagas de jovem aprendiz

publicidade
publicidade
publicidade
publicidade