GUIA DE CONCURSOS »

Provas da estatal nuclear brasileira serão em 4/3; confira dicas de revisão

O concurso da INB tem oportunidades para mais de 60 cargos. Os salários variam entre R$ 1.858 e R$ 6.094

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 25/02/2018 16:56 / atualizado em 26/02/2018 14:45

Arquivo Pessoal

 

 

À medida que o concurso das Indústrias Nucleares do Brasil (INB), instituição estatal que atua com exploração de urânio e fornecimento para usinas nucleares, se aproxima, interessados em ocupar um dos 68 cargos disponíveis precisam intensificar o ritmo de estudos, já que as provas serão no próximo domingo (4). A uma semana do certame, a dica é apostar em revisão. O edital da instituição oferece vagas apenas em cadastro de reserva, sem especificar quantidades. Entre as posições às quais concurseiros puderam se inscrever, estavam 21 funções de níveis médio, 19 de nível técnico e 28 de nível superior.


A seleção é organizada pela Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa (Fundep). Os aprovados poderão trabalhar em Rio de Janeiro (RJ), Caldas (MG), Caetité (BA) e Resende (RJ). Português e conhecimento de normas (de gestão da qualidade da série ISO 9000, de gestão ambiental da série ISO 14000, e de gestão da saúde e da segurança ocupacional OHSAS 18001) são matérias comuns a todos os cargos. Língua inglesa cai para todas as posições de nível superior.

De olho nas dicas
Falta só uma semana para o grande dia, e a ansiedade e o nervosismo são sentimentos que podem prevalecer entre candidatos. Selma Frasão, professora de língua portuguesa do cursinho preparatório Alub, observa que o autocontrole é essencial. “Caso o candidato tenha consciência de que se preparou, então deve se concentrar e deixar fluir o que foi adquirido com o aprendizado.” Outra dica é revisar. “É preciso rever o conteúdo e se concentrar mais no que tem maior dificuldade. Também é relevante fazer muitos exercícios de provas anteriores da banca examinadora para fixar como ela cobra conteúdos”, ensina. Em português, uma dificuldade comum é não entender o comando da questão. Por isso, é preciso ler com calma e atenção.

Roberto Witte dá aulas de inglês nos cursinhos LS Concursos, Exponencial e Eu Vou Passar, e indica a resolução de exercícios como melhor caminho nos últimos dias antes da prova. “Quanto mais, melhor. Também é válido fazer simulados para controlar o tempo da execução das respostas”, aconselha. Segundo o professor Witte, a maioria das questões de inglês envolvem interpretação de textos, mas muitas cobram apenas conhecimento de gramática e vocabulário. Para responder a itens do último caso, não é preciso ler todo o material logo de cara. “É sempre bom começar lendo o título do texto (para saber o tema abordado) e, depois, ler os enunciados e mapear as perguntas que podem ser respondidas sem o conhecimento do conteúdo. Por fim, leia a produção textual para responder às de interpretação.”

Os cargos de engenheiro químico, químico e de técnico têm química entre os conteúdos específicos. Professor da matéria no Estratégia Concurso Online, Wagner Bertolini comenta possíveis problemas que os candidatos poderão enfrentar na prova. “O nervosismo e a falta de confiança são dificuldades presentes. De onde vêm esses sentimentos? Originam-se quando o candidato não tem noção sobre os conceitos e não sabe relacionar tópicos dentro da área.” De acordo com ele, uma das soluções para vencer esses obstáculos é consultar instrumentos de aprendizagem de qualidade. “O candidato deve ter bom material de estudo, assim poderá saber as definições corretamente”, relata. “Os cálculos devem estar muito presentes na prova. É importante fazer as conversões entre as unidades fornecidas pelo anunciado e saber relacionar as substâncias envolvidas na regra de três”, afirma.

Nova oportunidade
Engenheira de produção há cinco anos, Juliana Alvarenga, 28, começou a trabalhar no setor de operações de ancoragem de uma empresa contratada pela Petrobras assim que se formou. Ela ficou lá por quase dois anos. A motivação para estudar para concurso surgiu em 2015. “Eu vi muita gente boa sendo demitida em meio à crise das prestadoras de serviços da petroleira. Isso foi o que mudou o meu olhar para querer estudar e migrar para o serviço público”, relata. “Antes disso, eu já considerava essa possibilidade por vários aspectos: qualidade de vida, autonomia no trabalho, ter liberdade para falar o que penso”, afirma. Em 2016, ela estudou e passou no concurso de nível médio da Eletrobras Eletronuclear, onde está empregada até hoje. “É uma empresa que eu já admirava. Agora estou caminhando para alcançar o próximo degrau e conseguir um cargo de nível superior no concurso da INB”, diz. “Estou relendo resumos e fazendo mais questões anteriores. Dois dias antes da prova, vou parar de estudar para descansar a mente e chegar ao concurso de cabeça fria”, conclui.

Passe bem / Química

O número de átomos de hidrogênio presentes no hidrocarboneto 3,5-dimetil-5-etil-3-octeno é igual a:
(A) 23     (B) 24    (C) 25   (D) 26   (E) 27

Resolução:
Esta é bem simples de resolver. Basta observar os prefixos que indicam número de carbonos no nome. Veja: 3,5-dimetil-5-etil-3-octeno. Duas vezes metil (2C), uma vez etil (2C) e oct (8C). Logo, teremos 12C. Sabendo que se trata de um alceno (terminação “eno” no nome) e que o número de hidrogênios é o dobro do número de carbonos, chegamos ao valor 24. Não é necessário fazer a estrutura (e perder tempo na prova).

Questão do concurso da Petrobras de 2012 para técnico em química, aplicada pela banca Cesgranrio, comentada por Wagner Bertolini

Gabarito: letra B


O que diz o edital

Concurso público das Indústrias Nucleares do Brasil (INB)
Inscrições: encerradas em 8 de fevereiro; confira o edital em goo.gl/sKa5ye
Taxa: R$ 80 (níveis médio e técnico) e R$ 100 (nível superior)
Vagas: de cadastro de reserva
Salários: entre R$ 1.858 e
R$ 6.094
Prova: 4 de março
Locais: Rio de janeiro (RJ), Bahia(BA), Minas Gerais (MG); é possível verificar unidades que receberão o concurso no site www.gestaodeconcursos.com.br

Quadro de carreiras

Confira os cargos disponíveis para cada nível de formação

Superior

Administrador, advogado, analista de comércio exterior, analista de comunicação, analista de sistemas, assistente social, auditor, biólogo, bibliotecária, contador, economista, enfermeiro do trabalho, engenheiro (ambiental, agrônomo, civil, da computação, de automação e controle, de produção, de segurança do trabalho, eletricista, mecânico, metalúrgico, químico), físico, geólogo, médico do trabalho, psicólogo e químico.

Técnico
Há chances para técnicos em edificações, segurança do trabalho, manutenção, laboratório industrial, logística, arquivo, automação industrial, eletromecânica, eletrônica, eletrotécnica, enfermagem do trabalho, informática, instrumentação, mecânica, meio ambiente, qualidade, química, radioproteção, topografia / agrimensura.

Médio
Ajustador mecânico, almoxarife, assistente de administração, caldeireiro, inspetor de guarda, mecânico de manutenção, operador de processos, operador de fresadora CNC - fresador, operador de torno CNC - torneiro, programador de máquinas - ferramenta CNC, projetista cadista, secretária, soldador, soldador Oxigás, soldador Pead, soldador TIG, desenhista técnico de construção civil, desenhista técnico mecânico, montador automação, montador eletricista, montador mecânico.

 

*Estagiária sob supervisão da subeditora Ana Paula Lisboa