Candidatos do Enem 2012 podem consultar desempenho em site do Inep

O site apresenta um mapa detalhado do desempenho nas provas, com mais informações tanto para os centros de ensino como para os estudantes

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 25/11/2013 18:40

As escolas e os candidatos participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2012 podem acessar no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) um mapa detalhado do desempenho nas provas. A divulgação feita este ano traz mais informações tanto para os centros de ensino como para os estudantes. As escolas podem acessar as médias em cada uma das competências cobradas nas provas: linguagens e códigos, matemática, ciências humanas, ciências da natureza e redação. Além disso, podem verificar o desempenho dos estudantes de acordo com a porcentagem de alunos em cada faixa de pontuação na prova. A nota vai até 1 mil. "A escola vai ter uma média geral e vai ter o desempenho do aluno. Com isso vai poder fazer uma boa avaliação pedagógica, que é o que nos interessa", disse o ministro da Educação, Aloizio Mercadante. Individualmente, cada candidato poderá acessar um mapa de competências. De acordo com a nota obtida no exame do ano passado, poderá verificar as competências que domina e as que tem dificuldades. "A intenção é que a partir do mapa, o estudante melhore no próximo Enem, caso deseje fazer a prova novamente", esclarece o ministro. A escola não tem acesso ao boletim individual. O Enem 2012 teve a participação de 4 milhões de candidatos. Todos os candidatos podem acessar o desempenho. O MEC considerou para as escolas análise apenas daquelas que tiveram, no mínimo, 50% dos estudantes participando do exame e aquelas nas quais a porcentagem corresponde a pelo menos dez estudantes. A nota do Enem é usada no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que seleciona os candidatos para as vagas ofertadas por instituições públicas de ensino superior. A nota também é usada para concorrer a bolsas em instituições particulares pelo Programa Universidade para Todos (Prouni). O exame ainda é pré-requisito para o Programa de Financiamento Estudantil (Fies), para o intercâmbio acadêmico pelo Ciência sem Fronteiras e servir para a obtenção do diploma de ensino médio.