Publicidade

Correio Braziliense

A partir do segundo semestre, Sisu oferecerá cursos no formato EAD

As instituições de ensino superior públicas têm até sexta-feira (29/5) para aderir ao programa. A medida veio acompanhada de outras mudanças


postado em 26/05/2020 17:40 / atualizado em 26/05/2020 19:35

A partir do segundo semestre deste ano, o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) passará a ofertar cursos na modalidade de ensino a distância. As instituições públicas têm até sexta-feira (29/5) para aderirem ao formato. As inscrições para os alunos começarão em 16 de junho e vão até 19 de junho.

(foto: SiSu/Reprodução)
(foto: SiSu/Reprodução)
A alteração na modalidade de ensino das vagas ofertadas pelo programa foi divulgada por uma portaria publicada pelo Ministério da Educação (MEC) no Diário Oficial da União (DOU). A medida também determina outras mudanças para as universidades que ofertam vagas pelo Sisu. Agora, elas terão que disponibilizar um site para que o estudante encaminhe a documentação digitalizada exigida para a matrícula.

Segundo a portaria, as universidades deverão: “disponibilizar acesso gratuito à internet para a inscrição de estudantes aos processos seletivos do Sisu, nos dias e horários de funcionamento regular da instituição”. Cursos que exigem prova de habilidades específicas não poderão ser ofertados. A divulgação de informações das vagas, listas de espera e resultados passa a ser de responsabilidade da instituição. 

O Sisu é uma das formas de entrada para cursos superiores em universidades públicas e utiliza como forma de seleção as notas do Exame Nacional de Ensino Médio (Enem). As inscrições para o segundo semestre começarão em 16 de junho e vão até 19 de junho. 

Confira a portaria na íntegra aqui.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade

MAIS NOTÍCIAS

publicidade
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade