Publicidade

Correio Braziliense

Pode confiar: corrente do bem para ajudar pets é real. Mas confira os dados!

Perfil do Instagram dá opções de ajuda aos animais. Antes de fazer o depósito, porém, conheça o trabalho e veja se as informações repassadas são verdadeiras

Compartilhar

postado em 14/02/2019 16:56 / atualizado em 14/02/2019 16:55

(foto: Reprodução WhatsApp)
(foto: Reprodução WhatsApp)
O texto é fofo: "Oi pessoal! Meu nome é Vitório e eu sou um cachorrinho mto (sic) amável, mansinho e carinho. Mesmo sendo tão bonzinho (é o que dizem, tá? não sou convencido!) fui atropelado por uma moça, que não parou para me socorrer e passou com a roda duas vezes em cima de mim! Isso aconteceu em Santa Maria, no dia 10 de fevereiro e eu fique abandonado!". E assim vai. Lá pelas tantas, a mensagem fala que o tratamento custou R$ 2.100 e pede ajuda para custear. Há uma conta para depósito e o nome do responsável.

Os internautas mais desconfiados não perderam tempo: não seria golpe? Afinal, não há nada além da conta e de um perfil no Instagram. Onde estão os contatos? E a certeza de que o intuito é realmente ajudar o animalzinho machucado?

Pois bem, fomos atrás da conta na rede social: @correntedobemanimalbsb. Na mosca! Rapidamente, uma das responsáveis entrou em contato com a equipe do Holofote para tirar qualquer dúvida sobre a intenção. Na verdade, a Corrente do Bem existe com várias vertentes: crianças, idosos, empobrecidos. E, claro, animais. Thalita Borges e Jordana Diniz são duas das pessoas que tomam conta.
 
Elas não colocam números de telefones nas mensagens de ajuda porque só têm números pessoais. Porém, depois do contato do Holofote, Thalita passou um grupo do WhatsApp para quem quiser conhecer mais de perto e ajudar: https://chat.whatsapp.com/E5zUfTIWjTg3utAhuYBgvn
 
(foto: Reprodução WhatsApp)
(foto: Reprodução WhatsApp)

 
Segundo Thalita, a iniciativa atinge um certo número de trabalhos mensais. E deu diversos exemplos de ações. Um dos casos mais tristes em fevereiro foi o da cadelinha Diva, com doença do carrapato e câncer. Ela toma medicação oral e vai precisar de quimioterapia. 

Ela também afirmou que vai começar a colocar mais detalhadamente as ações e as planilhas de gastos. O Holofote, porém, dá mais uma dica para que os internautas não vacilem na hora de ajudar: se receber a mensagem por WhatsApp, vá atrás da rede social oficial do grupo e compare as informações da conta corrente para não ser vítima do golpe de pessoas de má-fé que possam trocar os dados e se beneficiar financeiramente de pessoas de bem.
 
Checagem de Leonardo Meireles 

Etiquetas

Informação comprovadamente verdadeira


Informação parcialmente correta, mas precisa de esclarecimentos


Informação comprovadamente incorreta ou falsa


Afirmação ou dado exagerado coloca em xeque a informação


A fonte se valeu de ferramentas digitais para modificar foto, áudio ou vídeo


Contradição ameaça a credibilidade da informação


A equipe precisa de mais tempo para atestar a veracidade das informações


Faltam dados e fontes capazes de comprovar a informação


Informações conflitantes impedem a comprovação dos dados apresentados


Topo