Publicidade

Correio Braziliense

Estudo acadêmico destaca o Holofote no combate à desinformação

Guilherme Goulart e Igor Silveira conversaram com o autor do trabalho, o professor Alberto Marques, da Pós-graduação da Universidade Católica de Brasília

Compartilhar

postado em 17/10/2019 17:44 / atualizado em 17/10/2019 18:00

(foto: Reprodução// YouTube)
(foto: Reprodução// YouTube)
Os checadores Guilherme Goulart e Igor Silveira receberam nesta quinta-feira (17/10), no estúdio do Correio Braziliense, o professor Alberto Marques, do Programa de Pós-graduação em Inovação em Comunicação e Economia Criativa da Universidade Católica (UCB). O educador teve o estudo exploratório 'Verificando no jornalismo: mapeando práticas jornalísticas de combate a Fake News' aprovado para ser apresentado no 17º Encontro Nacional de Pesquisadores em Jornalismo Universidade Federal de Goiás (UFG), em Goiânia (GO), em novembro.
 
Na entrevista, Alberto Marques detalhou o trabalho acadêmico, que aprofundou o funcionamento do núcleo de verificação do Correio Braziliense, o primeiro do Distrito Federal. Nele, o professor destacou as práticas adotadas nas checagens do Holofote, revelando a rotina no processo de verificação. Para isso, ele entrevistou três profissionais da agência de checagem: Ana Carolina Fonseca, Guilherme Goulart e Igor Silveira.
 
O estudo exploratório será apresentado em uma mesa coordenada do Encontro Nacional de Pesquisadores em Jornalismo Universidade Federal de Goiás (UFG), ao lado de quatro trabalhos sobre fake news. A pesquisa completa de Alberto Marques pode ser conferida aqui.
 
A entrevista dada no estúdio do Correio pode ser vista logo abaixo:
 
 

Etiquetas

Informação comprovadamente verdadeira


Informação parcialmente correta, mas precisa de esclarecimentos


Informação comprovadamente incorreta ou falsa


Afirmação ou dado exagerado coloca em xeque a informação


A fonte se valeu de ferramentas digitais para modificar foto, áudio ou vídeo


Contradição ameaça a credibilidade da informação


A equipe precisa de mais tempo para atestar a veracidade das informações


Faltam dados e fontes capazes de comprovar a informação


Informações conflitantes impedem a comprovação dos dados apresentados


Topo