Mundo

Olmert diz que ameaças contra Israel são "mais graves" que no passado

;

postado em 22/06/2008 12:32
O primeiro-ministro israelense Ehud Olmert advertiu neste domingo (22/06) que Israel está enfrentando agora perigos "mais graves" do que no passado, ao se referir ao programa nuclear iraniano, informou uma fonte oficial. "No tenho necessidade de dizer a vocês que os perigos e as ameaças à segurança de Israel não se reduziram e em alguns aspectos são mais graves do que antes", afirmou Olmert à direção da Agência judaica, organismo para-governamental encarregado da imigração, citado por seu gabinete. "No entanto, o Exército é forte e sabemos como nos defender", acrescentou. Antes, um dirigente do partido Kadima de Olmert, presidente da Comissão de Relaciones Exteriores e Defesa da Knesset (Parlamento), Tsahi Hanegbi, disse que os esforços diplomáticos para deter o programa nuclear iraniano fracassaram até agora. "As medidas do Ocidente contra o programa nuclear do Irã fracassaram", declarou Hanegbi, acrescentando que nos dois próximos anos seriam "cruciais". As autoridades israelenses se negaram a comentar as informações segundo as quais recentes manobras aéreas israelenses no Mediterrâneo oriental eram um ensaio geral de um ataque contra as instalações nucleares iranianas.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação