Publicidade

Correio Braziliense

Grã-Bretanha indeniza vítimas de maus-tratos no Iraque

 


postado em 10/07/2008 15:29 / atualizado em 10/07/2008 15:29

LONDRES - O ministério da Defesa britânico anunciou nesta quinta-feira (10/07) o pagamento de 2,83 milhões de libras (3,54 milhões de euros) à família de um iraquiano morto quando estava sob custódia de soldados da Grã-Bretanha e a outros oito iraquianos que sofreram maus-tratos. Este pagamento é resultado de um acordo amistoso entre as autoridades britânicas e os representantes das vítimas, especificaram em comunicados o ministério e o gabinete de advogados Leigh Day. A indenização será distribuída entre oito iraquianos vítimas de abusos e à família de Baha Musa, de 26 anos, morto na prisão em 2003 em Basra. Sete soldados britânicos foram julgados por uma corte marcial em 2007 por este caso mas só um foi condenado a um ano de prisão. O ministro da Defesa britânico, Des Browne, anunciou em maio a abertura de uma investigação pública sobre a morte de Baha Musa.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade