Publicidade

Correio Braziliense

Terroristas morrem com tomada de hotel em Mumbai

 


postado em 27/11/2008 17:47 / atualizado em 27/11/2008 17:48

A tomada do hotel Taj Mahal, em Mumbai, terminou nesta quinta-feira (27/11) com a morte dos últimos três agressores que mantinham reféns no local, disse um funcionário do governo de Maharashtra. A mesma fonte disse ainda que oito reféns mantidos na sede de uma entidade judaica ultraortodoxa foram libertados pelas forças de segurança. Não havia detalhes disponíveis e os reféns libertados não foram identificados. De acordo com o general indiano R. K. Huda, entre dez e 12 milicianos continuam mantendo reféns em hotéis de luxo de Mumbai e no centro judaico Jabad Lubavich. Os demais foram mortos ou capturados, disse ele a uma emissora de televisão de Nova Délhi. Os ataques promovidos por milicianos islâmicos contra dez alvos na capital financeira da Índia, iniciados na noite de ontem, já provocaram a morte de pelo menos 125 pessoas e deixaram centenas de feridos, de acordo com informações da polícia local. Com informações da Associated Press e da Dow Jones.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade