Publicidade

Correio Braziliense

Filmografia de Manoel de Oliveira

 


postado em 10/12/2008 11:33 / atualizado em 10/12/2008 11:34

LISBOA - Em 77 anos de carreira, o cineasta português Manoel de Oliveira, que comemora 100 anos no dia 12 de dezembro, dirigiu mais de 46 longas-metragens de ficção e documentário.

Ficções:

1942: Aniki-Bobo
1963: Acto da primavera
1963: A Caça
1971: O Passado e o Presente
1974: Benilde ou a Virgem Mãe
1978: Amor de perdição
1981: Francisca
1985: Le Soulier de Satin
1986: Mon Cas/O Meu Caso
1988: Os Canibais
1990: Não ou a Vã Glória de Mandar
1991: A Divina Comédia
1992: O Dia do desespero
1993: Vale Abraão
1994: A Caixa
1995: O Convento
1997: Party
1997: Viagem ao princípio do Mundo
1998: Inquietude
1999: A carta
2000: Palavra e Utopia
2000: Je rentre à la maison
2001: Porto da Minha Infância
2001: O Princípio da Incerteza
2002: Um Filme Falado
2004: O Quinto Império - Ontem Como Hoje
2005: Espelho Mágico
2006: Belle toujours
2007: Cristovão Colombo, O Enigma
2008 (em produção): Singularidades de uma rapariga loura

Documentários:

1931: Douro, faina fluvial
1932: Estátuas de Lisboa
1937: Os Últimos Temporais, Cheias do Tejo
1938: Miramar, Praia das rosas
1938: Em Portugal já se fazem automóveis
1940: Famalicão
1956: O Pintor e a Cidade
1958: O Coração
1959: O Pão
1964: Villa Verdinho, uma aldeia transmontana
1965: As Pinturas do meu irmão Julio
1982: A Visita-Memórias e confissões (autobiografia)
1983: Lisboa Cultural
1983: Nice... sobre Jean Vigo
1983: Simpósio Internacional de escultura em pedra
1987: A Propósito da bandeira nacional

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade