Publicidade

Correio Braziliense

Oficializada a criação do banco russo-venezuelano


postado em 12/08/2009 13:52

CARACAS - A Venezuela publicou nesta quarta-feira (12/8) o convênio que oficializa a criação de um banco bilateral com a Rússia que tem por finalidade desenvolver e fortalecer as relações amistosas e de cooperação e de cooperação entre os dois países. A criação deste banco, fruto de um acordo de intenções iniciado em novembro de 2008, foi assinada em junho em Moscou e publicada nesta quarta-feira na Gazeta Oficial de Venezuela. Segundo informações de Moscou, o capital inicial do banco será de US$ 4 bilhões e 51% corresponderão a capital russo. Estes fundos serão dedicados a projetos conjuntos nas áreas de petróleo, minas, energia elétrica, metalurgia, petroquímica e de infraestrutura, entre outras. A Venezuela possui bancos binacionais com países como Irã e China. O governo do presidente venezuelano, Hugo Chávez, intensificou nos últimos anos suas relações com a Rússia, que é um de seus principais fornecedores de armamento e está presente em vários projetos de minas e energia no país sul-americano.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade