Publicidade

Estado de Minas

Opositores e polícia voltam a se enfrentar em Teerã


postado em 26/12/2009 11:20

Novos incidentes foram registrados neste sábado no centro de Teerã entre manifestantes contrários ao governo e a polícia iraniana. A polícia dispersou com violência centenas de pessoas que pretendiam se reunir na praça Enghelab, no centro da capital, e prendeu vários manifestantes. Os manifestantes gritavam "morte ao ditador", como passaram a chamar o presidente Mahmud Ahmadinejad desde a questionada reeleição em junho e a violenta repressão dos prostestos após a votação. A oposição convocou o protesto no local por ocasião das procissões de Tasua e Ashura, dois dias de luto religioso do islã xiita durante os quais a população sai às ruas para assistir aos numeroros cortejos. Muitos motoristas expressaram apoio aos opositores pressionando as buzinas a cada ataque da polícia. Outros grupos de manifestantes gritaram frases hostis a Ahmadinejad nas imediações da Universidade de Teerã. Pelo menos duas pessoas foram detidas nos protestos, que ao meio-dia já haviam sido contidos pela grande presença policial.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade