Publicidade

Estado de Minas

Mais quatro ministros renunciam na Irlanda


postado em 20/01/2011 10:25

DUBLIN - Quatro ministros irlandeses pediram demissão na quarta-feira (19/1) à noite, um dia depois da renúncia do então chanceler Micheal Martin, que liderou uma rebelião interna frustrada contra o primeiro-ministro Brian Cowen, informa a imprensa irlandesa.

Os renunciantes são os ministros da Saúde, Mary Harney, Justiça, Dermot Ahern, Transportes, Noel Dempsey, e Defesa, Tony Killeen, segundo o jornal Irish Times e a rádio e televisão pública RTE.

As renúncias deixam o governo irlandês sem mais de 25% dos ministros.

O Irish Times também considera que está aberto o caminho para uma reforma do governo projetada pelo premier antes das eleições gerais, que devem acontecer em março.

Martin renunciou ao cargo depois que Brian Cowen venceu na terça-feira a moção de confiança dentro do partido, o que lhe permitiu conservar a liderança do Fianna Fáil até as eleições.

O ministro das Relações Exteriores, que criticou o primeiro-ministro pela gestão da crise da dívida irlandesa, pedia uma mudança de liderança.

  • Tags
  • #
Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade