Publicidade

Estado de Minas

Chanceler israelense é suspeito de lavagem de dinheiro


postado em 17/02/2011 20:33

Jerusalém- O ministro israelense das Relações Exteriores, Avigdor Lieberman, pode ser indiciado em breve por lavagem de dinheiro, informou nesta quinta-feira (17/2) a rádio estatal de Israel. A procuradoria deseja indiciar Lieberman por lavagem de dinheiro e fraude, mas não dispõe de provas suficientes para acusá-lo de corrupção, destacou a emissora. A polícia recomendou em agosto de 2009 o indiciamento de Lieberman por corrupção, lavagem de dinheiro e obstrução da justiça em um esquema para financiar suas campanhas eleitorais. O dirigente ultranacionalista, que nega as acusações, prometeu pedir demissão se for indiciado por corrupção. A decisão final sobre seu indiciamento será adotada antes do final do mês pelo conselheiro jurídico do governo, Yehuda Weinstein

  • Tags
  • #
Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade