Publicidade

Estado de Minas

CIJ estende para leste soberania marítima da Nicarágua no Caribe


postado em 19/11/2012 15:53

Haia - A Corte Internacional de Justiça (CIJ) estendeu nesta segunda-feira em direção para leste a soberania marítima da Nicarágua no Caribe, disse o presidente da máxima instância judicial do mundo, Peter Tomka.

Leia mais notícias em Mundo


Tomka explicou em Haia as coordenadas do complexo traçado da nova fronteira, que estende para leste a soberania da Nicarágua, embora mantenha um trecho de jurisdição colombiana na altura das ilhas de San Andrés e Providencia, assim como em um raio de 12 milhas náuticas em torno das ilhas de Serrana e Quitasueño, cuja soberania foi concedida à Colômbia, junto com as de outras duas ilhotas em disputa.

As ilhotas de Albuquerque, Bajo Nuevo, Este-Sudeste, Roncador e Serranilla também ficam todas nas mãos da Colômbia.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade