Publicidade

Estado de Minas

Partidos islamitas egípcios rejeitam adiamento de referendo


postado em 08/12/2012 12:31

Cairo - Uma coalizão de treze partidos islamitas egípcios, entre eles o da Irmandade Muçulmana, rejeitou neste sábado qualquer adiamento do referendo sobre o projeto de Constituiçã que divide o país, reclamado pela oposição ao presidente Mohamed Mursi.

Leia mais notícias em Mundo

Os partidos "insistem que o referendo sobre a Constituição seja realizado na data prevista, sem modificação ou adiamento", segundo um comunicado lido pelo número dois da Irmandade Muçulmana, Jairat al Chater.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade