Publicidade

Correio Braziliense

Mitt Romney diz que é difícil não ser presidente

"Fico frustrado por não estar lá, não estar na Casa Branca, para fazer o que é preciso fazer", disse


postado em 03/03/2013 14:50 / atualizado em 03/03/2013 14:54

Romney não poupou crítica a Obama por sua condução do conflito orçamentário(foto: TIMOTHY A. CLARY)
Romney não poupou crítica a Obama por sua condução do conflito orçamentário (foto: TIMOTHY A. CLARY)

Em sua primeira entrevista desde que perdeu a batalha eleitoral em novembro passado, o republicano Mitt Romney reconheceu neste domingo que ficou frustrado por não ocupar a Casa Branca e solucionar os problemas do país.

"Fico frustrado por não estar lá, não estar na Casa Branca, para fazer o que é preciso fazer", afirmou ao canal Fox, em aberta crítica a Barack Obama.

Romney não poupou crítica a Obama por sua condução do conflito orçamentário e por não ter obtido um acordo entre democratas e republicanos.

Leia mais notícias em Mundo

No entanto, ele também criticou a própria campanha eleitoral, admitindo que fez declarações equivocadas e que houve uma falta de "eficácia" de sua mensagem em relação às minorias, como negros e hispânicos.

O ex-governador de Massachusetts deu a entrevista junto à esposa Ann Romney.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade