Publicidade

Correio Braziliense

Museu do Louvre é fechado por greve contra batedores de carteiras

Os funcionários dizem ser vítimas constantes dos punguistas, assim como os visitantes do maior museu do mundo


postado em 10/04/2013 11:22 / atualizado em 10/04/2013 11:46

No ano passado o museu recebeu dez milhões de pessoas(foto: Claude Paris/AFP)
No ano passado o museu recebeu dez milhões de pessoas (foto: Claude Paris/AFP)

Paris
- O Museu do Louvre fechou nesta quarta-feira (10/4) por causa de uma paralisação dos funcionários em protesto contra os batedores de carteiras que atuam no interior da instituição. Os funcionários dizem ser vítimas constantes dos punguistas, assim como os visitantes do maior museu do mundo, que no ano passado recebeu dez milhões de pessoas.

"Estamos fartos disso", declarou um sindicalista, indicando que os funcionários do museu trabalham com medo. O Louvre indicou que pediu reforços policiais para combater as redes de batedores de carteira que atuam em suas instalações.

Leia mais notícias em Mundo

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade