Publicidade

Estado de Minas

Emanação de monóxido de carbono no Canal da Mancha deixa 13 hospitalizados

A intoxicação ocorreu em um setor de obras do túnel do Canal da Mancha, que liga a França à Grã-Bretanha


postado em 27/01/2014 12:08

Lille - Treze pessoas foram hospitalizadas domingo (26/1) à noite após a emanação de monóxido de carbono em um setor em obras do túnel do Canal da Mancha, que liga a França à Grã-Bretanha, anunciaram autoridades nesta segunda-feira (27/1).

Os treze intoxicados foram atendidos em hospitais do norte da França para exames e oxigenação. Nenhum dos casos é preocupante, segundo a prefeitura de Pas de Calais (norte da França). Esta é a segunda emanação do tipo em 24 horas. Na noite de sábado, 19 trabalhadores foram intoxicados. As duas emissões foram produzidas no mesmo segmento do túnel, entre Calais e Folkestone (sul da Inglaterra), um setor que passa por obras e no qual trabalham cerca de 60 operários.

Leia mais notícias em Mundo

"Estamos tentando compreender o que está acontecendo", indicou a companhia que administra o local, a Eurotunnel, acrescentando que o túnel tem 20.000 sensores que medem o nível de monóxido de carbono. As obras terminaram nesta segunda-feira às 4h30 GMT (2h30 no horário de Brasília), e a origem das emanações está sendo investigada, indicaram autoridades de Calais.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade