Publicidade

Estado de Minas

Direita mantém prefeitura de Buenos Aires

Vitória é considerada estratégica para as eleições presidenciais da Argentina


postado em 19/07/2015 20:37 / atualizado em 19/07/2015 21:12

A direita manteve neste domingo a prefeitura de Buenos Aires, com a vitória, por uma margem mínima, de Horacio Rodríguez Larreta, 49, aliado do atual prefeito, Mauricio Macri,  principal candidato da oposição para as eleições presidenciais de 25 de outubro.

Apuradas 98,73% das mesas, Larreta vencia por três pontos, ao obter 51,62% dos votos, frente ao jovem economista Martín Lousteau (48,38%), 44, candidato de centro à frente de uma coalizão de social-democratas, socialistas e a direita mais moderada.


Leia mais notícias em Mundo

 

"Mais uma vez, festejamos o orgulho de que os portenhos continuem nos apoiando", comemorou Larreta, no comitê de campanha do Proposta Republicana (PRO, direita), ao se declarar vencedor.

O PRO esperava, no entanto, uma vitória contundente para impulsionar a candidatura à presidência de Macri, opositor mais bem posicionado frente ao candidato da presidente Cristina Kirchner (peronista, de esquerda), o governador de Buenos Aires, Daniel Scioli, favorito nas pesquisas.

O PRO obteve 45,5% dos votos no primeiro turno, em 5 de julho, frente aos 25,5% de Lousteau.

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade