Publicidade

Estado de Minas

Autoridade da concorrência da Alemanha abre investigação contra Facebook

Investigação aponta que rede social impõe aos seus usuários condições de utilização contrárias às leis de proteção de dados


postado em 02/03/2016 07:27

Berlim, Alemanha - A autoridade da concorrência na Alemanha decidiu abrir uma investigação contra o Facebook por suspeitas de que a rede social impõe aos seus usuários condições de utilização contrárias às leis de proteção de dados.


Leia mais notícias em Mundo

"A suspeita inicial é que as condições de utilização do Facebook infringem as regras de proteção de dados", declarou em um comunicado o gabinete, que também planeja examinar a relação entre as cláusulas abusivas e a posição dominante da empresa no mercado.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade