Publicidade

Estado de Minas

Aos 15 anos, filha de Tyson Gay morre baleada nos Estados Unidos

A adolescente estava no estacionamento do local quando homens a bordo de dois carros começaram a trocar tiros. Trinity, que pretendia seguir os passos do pai no atletismo, foi atingida no pescoço e não resistiu


postado em 17/10/2016 07:30

(foto: Reprodução/FAcebook)
(foto: Reprodução/FAcebook)

A filha do velocista norte-americano Tyson Gay, Trinity, de apenas 15 anos, morreu neste domingo (16) ao ser atingida por uma bala perdida em um restaurante de fast food em Lexington, nos Estados Unidos.

A adolescente estava no estacionamento do local quando homens a bordo de dois carros começaram a trocar tiros. Trinity, que pretendia seguir os passos do pai no atletismo, foi atingida no pescoço e não resistiu.

Tyson Gay, hoje com 34 anos, é campeão mundial nos 100m, 200m e 4x100m rasos. Ele também havia vencido a prata no revezamento dos Jogos Olímpicos Londres 2012, mas acabou pego no doping e perdeu a medalha.

O norte-americano é o segundo homem mais rápido na história dos 100m rasos, atrás apenas do jamaicano Usain Bolt.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade