Publicidade

Correio Braziliense

EUA denunciam China na OMC por subsídios na produção de alumínio

"A China oferece à sua indústria de alumínio uma ventagem injusta através de empréstimos mais baratos e outros subsídios governamentais ilegais", afirmou o presidente Obama


postado em 12/01/2017 16:36

O governo de Barack Obama anunciou nesta quinta-feira (12/1) que apresentou uma demanda contra a China na OMC pelos subsídios "ilegais" a seus produtores de alumínio, oito dias antes de Donald Trump, que ameaça Pequim com represálias comerciais, assumir a presidência dos Estados Unidos.

"A China oferece à sua indústria de alumínio uma ventagem injusta através de empréstimos mais baratos e outros subsídios governamentais ilegais", afirmou o presidente Obama em um comunicado. 
 

"Este tipo de medidas prejudicou a indústria americana e contribuiu para o excedente mundial de alumínio, aço e outros setores", acrescentou.

Concretamente, foi iniciado nesta quinta-feira a primeira fase do procedimento de solução de controvérsias na Organização Mundial de Comércio (OMC) ao pedir "consultas" com Pequim, informou o representante especial de Comércio Exterior dos Estados Unidos (USTR) em outro comunicado.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade