Publicidade

Correio Braziliense

Comissária de bordo dos EUA resgata vítima de tráfico humano

Sheila Fedrick descobriu que a menina seria vítima de um crime e avisou às autoridades


postado em 06/02/2017 21:08 / atualizado em 06/02/2017 22:10

(foto: Facebook/Reprodução)
(foto: Facebook/Reprodução)
 
Uma comissária de bordo salvou uma menina de 14 anos que seria vítima de tráfico humano nos Estados Unidos. Sheila Fedrick, 49 anos, estava trabalhando em um voo da Alaska Airlines, que fazia o trajeto de Seattle para San Francisco, quando notou um comportamento estranho da adolescente e do homem que a acompanhava.
 
 
A TV americana NBC noticiou que a o contraste entre a menina, que aparentava muito abatida, e o homem bem vestido que a acompanhava chamou a atenção. Sempre que a comissária de bordo fazia uma pergunta, era ele quem respondia.

A solução encontrada pela comissária para se comunicar com a vítima foi um bilhete deixado no banheiro. Sheila colocou uma mensagem no espelho perguntando se ela precisava de ajuda, em seguida sussurrou no ouvido da adolescente para que ela fosse até lá. Em resposta, a vítima relatou a situação à comissária, que avisou ao piloto. De dentro do avião, usando o sistema de comunicação por rádio, o comandante acionou a polícia em solo, que prendeu o suspeito logo ao desembarcar.

Sheila Fedrick disse que mantém contato com a menina resgatada e que atualmente ela está na faculdade. Comissários de bordo dos Estados Unidos atualmente aprendem, em treinamentos, como identificar potenciais traficantes de pessoas. O curso chama a atenção para comportamentos suspeitos de criminosos e as reações retraídas das vítimas.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade