Publicidade

Correio Braziliense

EUA abrem concorrência para construção de muro com México

Pedido por propostas divulgado no site de agência alfandegária é um dos últimos passos do governo de Donald Trump para entregar uma promessa de campanha


postado em 18/03/2017 18:46

Presidente americano em visita a Alemanha nesta sexta-feira (17/3)(foto: SAUL LOEB)
Presidente americano em visita a Alemanha nesta sexta-feira (17/3) (foto: SAUL LOEB)

A Agência Alfandegária e de Proteção de Fronteiras dos Estados Unidos (CBP, na sigla em inglês) abriu oficialmente a concorrência para empresas que desejam projetar e construir um muro de ao menos 5,5 metros de altura na fronteira com o México.


O pedido por propostas, divulgado no site da agência na noite de sexta-feira (17/3), é um dos últimos passos do governo de Donald Trump para entregar uma promessa de campanha, e acontece apesar de desafios significativos na parte legal e jurídica.

 

Segundo o documento, o governo irá considerar propostas para dois projetos separados do muro: uma parede de concreto sólido e uma feita com um material "alternativo".

 

Ele deve ligar a cidade de San Diego até Brownsville, no Texas, ter uma altura ideal de 9,15 metros e mínima de 5,5 metros. A construção deve ser "fisicamente imponente em altura" e "esteticamente agradável" em sua cor, textura e outros aspectos.

 

Essa última diretriz, no entanto, vale apena para a face norte do muro, que dá para os Estados Unidos. No documento publicado online, a CBP não especifica que tipo de material deve ser usado no muro nem dá detalhes sobre como ele será financiado.

 

Em seu projeto orçamentário, revelado na semana passada, Trump pediu US$ 4 bilhões para começar a planejar e construir o muro, número bem menor que os US$ 21 bilhões estimados pelo Departamento de Segurança Nacional. Fonte: Dow Jones Newswires.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade