Publicidade

Correio Braziliense

Casa Branca começa a estudar defesa de Trump para possível impeachment

Segundo a rede de TV americana CNN, conselheiros de Trump estão analisando as melhores maneiras de responder aos esforços de remoção do presidente


postado em 20/05/2017 17:00 / atualizado em 20/05/2017 17:05

(foto: AFP/MANDEL NGAN )
(foto: AFP/MANDEL NGAN )

 

A Casa Branca começou a pesquisar procedimentos de impeachment para se preparar para enfrentar um possível pedido de impedimento do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. Segundo a rede de TV americana CNN, conselheiros de Trump estão analisando as melhores maneiras de responder legalmente aos esforços de remoção do presidente por parte de congressistas democratas.

Nos últimos dias, a possibilidade de um impeachment de Trump nos EUA aumentou após vazarem, na imprensa americana, informações de que Trump teria compartilhado informações sigilosas sobre o grupo Estado Islâmico ao ministro de Relações Exteriores da Rússia, Sergey Lavrov, e que teria dito que demitir James Comey do cargo de diretor do FBI trouxe alívio às investigações sobre a Rússia.

 

Além disso, Trump teria pedido a Comey, antes de demiti-lo, que deixasse de lado as investigações contra Michael Flynn, ex-conselheiro de Segurança Nacional da Casa Branca.

De acordo com a CNN, os advogados do presidente acreditam que ele tem o apoio dos aliados republicanos no Congresso e que, por isso, o impeachment, neste momento, não é uma possibilidade sobre a mesa. No entanto, eles começaram a coletar informações sobre como um procedimento como esse funcionaria, segundo uma fonte.

A rede americana também afirmou que os advogados da Casa Branca consideram contratar advogados externos para ajudar nas sessões de estratégia. As reuniões são "informais" e estão sendo realizadas "com muita cautela".

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade