Publicidade

Correio Braziliense

Hamas pede que palestinos ataquem forças israelenses

Autoridades militantes do Hamas na Faixa de Gaza pediram para que palestinos ataquem as forças israelenses em Jerusalém


postado em 15/07/2017 16:34

As autoridades militantes do Hamas na Faixa de Gaza pediram para que palestinos ataquem as forças israelenses em Jerusalém depois que a Mesquita de Al Aqsa e seus arredores foram fechados devido ao ataque de palestinos que deixou dois policiais mortos.

 

A Mesquita é considerada um local sagrado para os muçulmanos.

 

 

O Hamas descreveu o fechamento do local, conhecido pelos muçulmanos como o Nobre Santuário e para os judeus como o Monte do Templo, como uma "Guerra religiosa" e o porta-voz do Hamas, Fawzi Barhoum, convocou uma "insurreição" palestina para atacar o exército de Israel e os colonos da Cisjordânia.

 

Israel fez o raro movimento depois que três palestinos abriram fogo na região na sexta-feira, matando dois policiais israelenses antes de serem mortos a tiros. Os criminosos eram muçulmanos que viviam em Israel. Fonte: Associated Press

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade