Publicidade

Correio Braziliense

Ministro "comemora" impostos que Neymar pagaria na França

Neymar, que se despediu dos colegas de time do Barcelona na quarta-feira (3/8), deve chegar nas próximas horas a Paris


postado em 03/08/2017 08:38 / atualizado em 03/08/2017 09:21

(foto: Hector Retamal/ AFP - 28/7/2017)
(foto: Hector Retamal/ AFP - 28/7/2017)


Paris, França - O ministro francês das Contas Públicas, Gérald Darmanin, expressou satisfação com os impostos que Neymar terá que pagar na França, caso a transferência do astro brasileiro ao PSG seja confirmada. "Se efetivamente Neymar vier para um clube francês, então o ministro de Contas Públicas comemora pelos impostos que vai pagar na França", afirmou o ministro à rádio France Inter.

"É melhor que este jogador pague impostos na França ao invés de pagar em outro lugar", afirmou ao responder uma pergunta sobre a "indecência" do valor da transferência: 222 milhões de euros (260 milhões de dólares). "Quando você é ministro, há o dever de defender os interesses do Estado e os interesses do Estado são de que as pessoas paguem impostos na França", completou Darmanin.

Neymar, que se despediu dos colegas de time do Barcelona na quarta-feira (3/8), deve chegar nas próximas horas a Paris. A apresentação à imprensa e aos torcedores do PSG está prevista para sexta-feira ou sábado, de acordo com uma fonte próximas às negociações.
 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade