Publicidade

Correio Braziliense

Exército dos EUA mata chefe do Estado Islâmico no Afeganistão

Segundo general John Nicholson, ataque do Exército americano matou chefe do Estado Islâmico eoutros chefes locais no Afeganistão


postado em 13/08/2017 09:59

Três líderes do grupo foram abatidos pelo Exército Americano(foto: WAKIL KOHSAR/AFP )
Três líderes do grupo foram abatidos pelo Exército Americano (foto: WAKIL KOHSAR/AFP )
 
Um dos líderes do grupo Estado Islâmico (EI) no Afeganistão e outros chefes locais foram mortos, na última quinta-feira, em um ataque do Exército americano - anunciou neste domingo (13/8) o comandante das forças dos Estados Unidos nesse país, general John Nicholson.
 
 
Morreu no ataque Abdul Rahman, chefe do EI-Khorasan, nome do grupo extremista no Afeganistão, na província de Kunar (nordeste), relatou Nicholson, acrescentando que outros três líderes do grupo foram abatidos na ação.
 
 
O ataque aconteceu no distrito de Darah-Ye Pach, na província de Kunar.

Em 11 de julho passado, a Força Aérea americana atacou o QG de EI-Khorasan nessa província, matando o chefe do grupo, Abu Sayed.

Segundo Nicholson, Abdul Rahman era o principal candidato para ocupar o lugar de Sayed.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade