Publicidade

Correio Braziliense

Casa do cartunista criador do Snoopy é destruída na Califórnia

A filha do autor, Monte Schulz, afirmou que o fogo consumiu a casa e destruiu todas as relíquias relativas ao trabalho do autor


postado em 13/10/2017 18:05 / atualizado em 13/10/2017 18:34

(foto: Charles M. Schulz Museum/Reprodução)
(foto: Charles M. Schulz Museum/Reprodução)


O incêndio que tem destruído uma parte do estado da Califórnia, nos Estados Unidos, fez uma vítima famosa. Charles M. Schulz, criador da tira em quadrinhos Peanuts, que contava com personagens como Charlie Brown, Linus e Snoopy, teve sua casa inteiramente destruída em Santa Rosa. 

A filha do cartunista, Monte Schulz, afirmou à imprensa internacional que o fogo consumiu a casa e destruiu uma parte das relíquias relativas ao trabalho do autor. No entanto, a maioria das tiras originais estão no Museu Charles M. Schulz, também em Santa Rosa, e que não foi atingida pelo incêndio florestal. 

A família construiu a casa em 1970 e o cartunista morou lá até a sua morte, nos anos 2000. Embora o fogo tenha consumido a casa inteira, a viúva de Charles, Jean Schulz, de 78 anos, e o filho dele, Craig Schulz, sobreviveram e estão em casas de parentes. 
 

Incêndio na Califórnia


Os incêndios na Califórnia já mataram 31 pessoas desde que começaram, no domingo (8/11). As evacuações em Santa Rosa, bairro da família de Schulz, afetaram cerca de 175.000 pessoas. Bairros inteiros foram reduzidos a cinzas.

O presidente Donald Trump declarou estado de desastre maior na Califórnia, liberando fundos e recursos federais para enfrentar a situação, enquanto o governador Brown declarou estado de emergência em oito condados.

Ver galeria . 8 Fotos O incêndio que devasta a Califórnia, nos Estados Unidos, já matou 31 pessoas. Outras 400 estão desaparecidasJustin Sullivan/Getty Images/AFP
O incêndio que devasta a Califórnia, nos Estados Unidos, já matou 31 pessoas. Outras 400 estão desaparecidas (foto: Justin Sullivan/Getty Images/AFP )



Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade