Publicidade

Correio Braziliense

O fim do califado do EI está próximo, diz Trump

Para o presidente dos EUA, a Síria vive o início de uma nova fase


postado em 21/10/2017 17:12

Após a retomada da cidade síria de Raqa, "o fim do califado do (grupo extremista) Estado Islâmico está próximo", declarou neste sábado (21/10) em comunicado o presidente americano, Donald Trump. 

Essa vitória da aliança dominada pelos curdos, aliados de Washington, anuncia uma "nova fase" para a Síria, acrescentou o presidente.  

"Com a libertação da capital do Estado Islâmico e a grande maioria do seu território, o fim do califado do Estado Islâmico está próximo", escreveu Trump.
 

"Vamos transitar rapidamente para uma nova fase na qual apoiaremos as forças locais de segurança, faremos a violência diminuir na Síria e criaremos as condições para uma paz duradoura, para que os terroristas não voltem a ameaçar a nossa segurança coletiva", disse Trump. 

A conquista de Raqa, a antiga "capital" do EI no território sírio, é a última vitória das Forças Democráticas Sírias (FDS), uma aliança anti-extremista dominada pelos curdos, que conta com o apoio aéreo americano. 

Desde 2015, as FDS expulsaram o EI de várias regiões, impondo-se como uma força ineludível na luta contra a organização extremista. 

Porém, se os americanos se retirarem agora que o califado do EI foi derrubado, essas forças podem se aproximar do regime de Bashar Al Assad e, consequentemente, da Rússia, em um país dividido pela guerra.   

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade