Publicidade

Correio Braziliense

Vladmir Putin afirma que não tem smartphone nem usa redes sociais

À frente do governo russo há 17 anos e candidato à reeleição em 18 de março, Putin assegurou no ano passado, durante um encontro com jovens, que se sentia "uma pessoa comum", que quando termina o trabalho só pensa em "ir para cama e não olhar o Instagram"


postado em 08/02/2018 16:20

(foto: Alexey NIKOLSKY / AFP / Sputnik )
(foto: Alexey NIKOLSKY / AFP / Sputnik )


Moscou, Rússia -
O presidente russo, Vladimir Putin, confessou nesta quinta-feira (8/2) que não tem smartphone, depois de afirmar no ano passado quase não utilizar a internet e não ter contas nas redes sociais. "Você diz que todo o mundo tem smartphone", declarou Putin, reagindo a um discurso do diretor do Instituto Nacional de Pesquisas Kurchatov, Mikhail Kovalchuk, durante uma reunião com acadêmicos russos em Novosibirsk (Sibéria).

Kovalchuk acabava de afirmar em seu discurso que atualmente "todo o mundo tem um smartphone no bolso". "Eu não tenho smartphone", anunciou Putin, de 65 anos.

Em 2005, ele já havia dito não dispor de celular. À frente do governo russo há 17 anos e candidato à reeleição em 18 de março, Putin assegurou no ano passado, durante um encontro com jovens, que se sentia "uma pessoa comum", que quando termina o trabalho só pensa em "ir para cama e não olhar o Instagram".

"Se os funcionários da minha administração utilizam a internet de maneira muito ativa (...), pessoalmente, quase não a utilizo", confiou. Diferentemente de Putin, o primeiro-ministro Dmitri Medvedev, de 52 anos, é visto com frequência em público com seu iPhone e publica regularmente fotos em suas páginas oficiais no Instagram e Facebook.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade