Publicidade

Correio Braziliense

Boko Haram mata quatro trabalhadores humanitários nigerianos

O ataque aconteceu nas proximidades do campo de refugiados da cidade de Rann, perto de uma base do exército nigeriano


postado em 02/03/2018 10:04

Kano, Nigéria - Quatro trabalhadores nigerianos de organizações humanitárias foram assassinados em um ataque do grupo islamita armado Boko Haram na cidade de Rann, nordeste da Nigéria.Samantha Newport, porta-voz da ONU, informou que o ataque aconteceu na quinta-feira (1º/3) à noite nesta cidade remota.

"Quatro trabalhadores humanitários foram assassinados, outro ficou ferido e um está desaparecido. Tememos que tenha sido sequestrado", disse.

Entre as vítimas estão dois funcionários da Organização Internacional para as Migrações (OIM), que administra um campo de deslocados, e um médico que trabalha como consultor para o Unicef, disse Newport. 
 
Nenhuma informação foi divulgada sobre a quarta pessoa assassinada, mas a ONU informou que a ferida e a declarada desaparecida são mulheres.

O ataque aconteceu nas proximidades do campo de refugiados de Rann, também perto de uma base do exército nigeriano, que foi alvo dos jihadistas. 

"O alvo era o exército. Eles (os trabalhadores humanitários) se viram presos nesta situação", afirmou Newport.

Pelo menos 112 pessoas morreram na cidade de Rann em janeiro de 2017 em um ataque aéreo do exército nigeriano contra os insurgentes e que por "engano" bombardeou os deslocados durante a distribuição de comida. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade