Publicidade

Correio Braziliense

Duas ossadas encontradas perto da Ciudad Juárez, no México

A descoberta eleva para 139 o número de vítimas enterradas de forma irregular na região


postado em 03/03/2018 16:37

Ciudad Juárez - Autoridades mexicanas encontraram, nesta sexta-feira (2/3), duas ossadas em regiões próximas à fronteiriça Ciudad Juárez, elevando a 139 o número de vítimas enterradas de forma clandestina nesta região encontradas em pouco mais de um ano. 

Eberth Castañón, um dos peritos que trabalha na área, disse à AFP que, devido às condições dos restos ósseos, estima-se que tenham sido enterrados entre 2012 e 2015.

Das 139 vítimas encontradas desde de janeiro de 2017 até hoje, apenas 22 foram identificadas. Especialistas continuam os trabalhos genéticos e de recuperação de mais restos na região, bem como nos municípios próximos de Praxedis G. Guerrero e Guadalupe.

As autoridades estimam que a maioria das vítimas foi enterrada entre 2010 e 2015, em decorrência da guerra entre o Cartel de Juárez e o poderoso Cartel de Sinaloa, que se intensificou a partir de 2008 devido à disputa pela venda, distribuição e travessia de drogas para os Estados Unidos. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade