Publicidade

Correio Braziliense

Comboio humanitário entra no reduto rebelde sírio de Guta Oriental

Treze caminhões que transportam ajuda estão dentro do bastião rebelde, afirmou Ingy Sedky, porta-voz do CICV em Damasco


postado em 09/03/2018 07:58

Beirute, Líbano - Um comboio humanitário entrou nesta sexta-feira no reduto rebelde sírio de Guta Oriental, perto de Damasco, para distribuir ajuda aos habitantes sitiados pelos bombardeios, anunciou o Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV).

Treze caminhões que transportam ajuda estão dentro do bastião rebelde, afirmou Ingy Sedky, porta-voz do CICV em Damasco. "Nossas equipes vão entregar a ajuda que não foi distribuída em 5 de março em consequência dos bombardeios na região", disse a porta-voz.

Na quinta-feira, uma tentativa de entregar ajuda fracassou depois que o comboio não conseguiu entrar no reduto rebelde, alvo desde 18 de fevereiro de uma ofensiva do regime que, segundo a ONG Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH), deixou 931 mortos.

As entregas previstas para esta sexta-feira não incluem material médico. Mas a porta-voz do CICV mencionou "indícios positivos sobre a possibilidade de que um comboio mais importante, que inclui especialmente material médico, possa (entregar) na próxima semana" a ajuda a este último bastião rebelde próximo de Damasco. 

Um comboio conjunto da ONU, CICV e Crescente Vermelho sírio entrou na segunda-feira na região cercada, onde entregou 247 toneladas de ajuda médica e alimentos na cidade de Duma, a principal da região.

Mas a missão foi mais curta que o previsto porque a distribuição acontecia durante os bombardeios, segundo a ONU.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade