Publicidade

Correio Braziliense

Catar acusa Emirados e Bahrein de novas violações de seu espaço aéreo

Espaço teria sido invadido, quebrando um acordo militar, três vezes em janeiro e em fevereiro


postado em 10/03/2018 19:52

Doha, Catar - O Catar voltou a apresentar uma queixa ante as Nações Unidas para denunciar supostas violações de seu espaço aéreo pelos Emirados Árabes Unidos e Bahrein, em conflito diplomático com Doha, anunciou neste sábado (10/3) um meio estatal.


A agência oficial QNA fez referência a duas violações por aviões militares emiradenses em meados de janeiro e final de fevereiro, e uma terceira por parte de uma aeronave militar bareinita, em meados de fevereiro.

"O Catar chama o Conselho de Segurança e as Nações Unidas a tomarem as medidas necessárias [...] para garantir a paz e a segurança", segundo a QNA.

Em 5 de junho, Emirados Árabes Unidos, Arábia Saudita, Bahrein e Egito romperam relações diplomáticas com o Catar, que acusam de apoiar grupos extremistas e de se aproximar do Irã, grande rival regional de Riade.

Estes quatro países fecharam suas conexões aéreas, marítimas e terrestres com Catar. Doha rejeitou as acusações de apoiar grupos extremistas e acusou por sua vez estes países de tentarem pôr sua política exterior "sob tutela".

Esta crise, inédita no Golfo, teve repercussões também no ar. Em janeiro, Doha lançou acusações de que aviões emiradenses tinham violado seu espaço aéreo, e pouco depois os Emirados denunciaram que duas de suas aeronaves comerciais foram interceptadas por caças do Catar.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade