Publicidade

Correio Braziliense

Kremlin denuncia posição 'absolutamente irresponsável' de Londres

O porta-voz Dmitri Peskov afirmou que o governo russo está muito preocupado com a situação e vê sinais de provocação nela


postado em 15/03/2018 10:04

Moscow, Rússia - O Kremlin denunciou, nesta quinta-feira (15/3), a posição "absolutamente irresponsável" de Londres, após o anúncio - por parte de Londres - de sanções ligadas ao envenenamento de um ex-espião russo na Inglaterra, destacando que a resposta será a que "melhor responde aos interesses da Rússia".

"A posição da parte britânica nos parece absolutamente irresponsável", declarou à imprensa o porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov, um dia depois do anúncio por parte da premiê britânica, Theresa May, de uma série de sanções contra a Rússia, entre elas a expulsão de 23 diplomatas.

As medidas de represália "naturalmente não se farão esperar", garantiu.

"A decisão será tomada pelo presidente (...) e, não há qualquer dúvida, de que ele escolherá a versão que melhor responde aos interesses da Rússia", frisou Peskov.

"Estamos, claro, muito preocupados com essa situação", acrescentou, dizendo ver nela "todos os sinais da provocação".

"A parte russa não tem nada a ver com o incidente que aconteceu em Salisbury", onde o ex-espião russo Serguei Skripal e sua filha Yulia foram internados em 4 de março, em um estado "crítico", após serem vítimas de envenenamento, completou o porta-voz.z

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade