Publicidade

Correio Braziliense

Governo russo expulsará diplomatas britânicos do país

Moscou também anunciou que prepara "medidas de represália" contra Washington, em consequência das novas sanções americanas em resposta à suposta interferência na eleição presidencial americana de 2016


postado em 16/03/2018 08:30

Astana, Cazaquistão - A Rússia expulsará diplomatas britânicos, em resposta à expulsão de 23 de seus diplomatas decidida pelo governo britânico após o envenenamento de um ex-agente russo refugiado no Reino Unido, anunciou nesta sexta-feira (16/3) o ministro russo das Relações Exteriores.

"Certamente, vamos fazer", declarou o chanceler russo Serguei Lavrov ao ser questionado sobre a resposta de Moscou às sanções britânicas.

Lavrov já havia afirmado na quinta-feira que Moscou expulsaria "obrigatoriamente" os diplomatas britânicos após o anúncio, na quarta-feira pela (14/3) primeira-ministra Theresa May da expulsão de 23 diplomatas russos e o congelamento dos contatos bilaterais com a Rússia.

Após chamar a posição de Londres de "absolutamente irresponsável", o porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov, afirmou na quinta-feira que o presidente Vladimir Putin, atualmente em campanha eleitoral para a disputa presidencial de domingo (18/3), terá a última palavra sobre a intensidade da resposta russa.

Londres, Berlim, Paris e Washington publicaram um comunicado conjunto no qual afirmam que a única explicação "plausível" para o envenenamento em 4 de março do ex-espião russo Serguei Skripal e sua filha na Inglaterra com um agente neurotóxico militar é a responsabilidade de Moscou.

A Rússua alega inocência e nega categoricamente a existência do programa de armas químicas "Novichok", o agente neurotóxico que as autoridades britânicas identificaram neste caso de envenenamento.

Moscou também anunciou que prepara "medidas de represália" contra Washington em consequência das novas sanções americanas em resposta à suposta interferência da Rússia na eleição presidencial americana de 2016 e a vários ciberataques.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade