Publicidade

Correio Braziliense

Pai de criança salva por imigrante estava na rua jogando Pokemon Go

Homem deve ser julgado em setembro. Se condenado, ele pode pegar até dois anos de prisão e pagar multa de até 30 mil euros


postado em 28/05/2018 17:19 / atualizado em 28/05/2018 17:31

(foto: Reprodução/Twitter)
(foto: Reprodução/Twitter)
 
As imagens do jovem malês Mamoudou Gassama escalando a fachada de um prédio em Paris para salvar uma criança de 4 anos surpreenderam o mundo. Ao mesmo tempo, fizeram surgir o questionamento: onde estavam os pais do garoto? A resposta pode ser tão surpreendente quanto o resgate. De acordo com um promotor francês, o pai do menino estava jogando Pokemon Go.

Em entrevista à rede francesa BFM TV, o promotor François Molins informou que o pai — cujo nome não foi divulgado — havia saído para fazer compras. "O problema é que ele demorou para voltar para casa, simplesmente porque quando saiu da loja, começou a jogar Pokemon Go, o que atrasou seu retorno ao apartamento", disse. 

Ainda segundo a rede francesa, o homem deve ser julgado pela omissão das obrigações parentais em 25 de setembro. Se condenado, ele pode pegar até dois anos de prisão e pagar multa de até 30 mil euros.

Resgate

O resgate espetacular, gravado e divulgado nas redes sociais, mostra o malês Mamudu Gasama escalar em trinta segundos quatro varandas da fachada de um prédio para chegar ao quarto andar, recuperar o menino pendurado e colocá-lo em segurança. "Por sorte, havia alguém com boas condições físicas e com coragem para ir buscar o menino", afirmaram os bombeiros.
 
 

A criança e Gasama foram levados a um hospital para exames de rotina. "O socorrista se queixava do seu joelho e o menino estava em choque", indicaram os bombeiros, afirmando que os dois passam bem. O vice-prefeito de Paris, Ian Brossat, afirmou que o jovem malês que resgatou o menino está com sua documentação irregular.

"O jovem homem que salvou um bebê (...) escalando três andares não tem documentação e chegou do Mali em setembro. Aviso aos que cospem diariamente nos imigrantes. Obrigado, Mamudu Gasama", tuitou o prefeito adjunto.

Pouco antes, a prefeita de Paris, Anne Hidalgo, tinha parabenizado o jovem. "Um grande 'bravo' a Mamudu Gasama por seu ato de coragem que permitiu salvar ontem à noite a vida de um menino. Tive o prazer de falar com ele por telefone hoje", escreveu no Twitter.

Apresentado pela imprensa francesa como um herói, Mamudu Gasama contou também à BFM TV que "viu muitas pessoas gritando e buzinas de carros".

"Saí, corri para procurar as soluções para salvá-lo. Consegui me pendurar em uma varanda, subi e assim graças a Deus o salvei", disse. Depois disso, o pai do menino foi colocado em prisão provisória devido ao início de uma investigação por "alienação de obrigações parentais", afirmou uma fonte judicial.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade