Publicidade

Correio Braziliense

Kim Jong-un suplicou 'de joelhos' por cúpula com Trump, diz Giuliani

Relato é do ex-prefeito de Nova York e agora advogado do presidente americano, Rudy Giuliani


postado em 07/06/2018 07:25

(foto: Korean Central News Agency/AFP)
(foto: Korean Central News Agency/AFP)
Washington, Estados Unidos - O líder norte-coreano, Kim Jong-un, suplicou "de joelhos" pela realização da cúpula com Donald Trump - relatou o ex-prefeito de Nova York e agora advogado do presidente americano, Rudy Giuliani, segundo o "Wall Street Journal".

Os norte-coreanos "diziam que iam desenvolver uma guerra nuclear contra nós, que iam nos derrotar em uma guerra nuclear", disse Giuliani em uma conferência em Tel Aviv, de acordo com o jornal.

"Nós dissemos que não iríamos a uma cúpula nessas circunstâncias", acrescentou Giuliani, referindo-se à reunião bilateral prevista para 12 de junho em Singapura.

"Kim Jong-un ficou de joelhos e suplicou que acontecesse", afirmou Giuliani.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade