Publicidade

Correio Braziliense

Apagão atinge a Venezuela e 80% de Caracas fica sem energia

O incidente provocou um caos nos transportes e nos serviços de comunicação na capital venezuelana


postado em 31/07/2018 13:03 / atualizado em 31/07/2018 13:21

(foto: Juan Barreto/AFP)
(foto: Juan Barreto/AFP)

 
Caracas, Venezuela - Um apagão atinge, nesta terça-feira (31/7), 80% da cidade de Caracas devido a uma falha técnica - informou o governo. O incidente provocou um caos nos transportes e nos serviços de comunicação na capital venezuelana.

"A interrupção do serviço elétrico acontece em 80% de Caracas. A falha se originou na subestação de Santa Teresa. Estamos trabalhando para retomar o serviço", anunciou pelo Twitter o ministro da Energia Elétrica, Luis Motta.

O corte de luz afetou áreas dos estados de Miranda e Vargas, no norte do país, além do aeroporto de Maiquetía, que atende à capital, durante 50 minutos. 

O apagão provocou engarrafamentos, devido ao mau funcionamento de semáforos e do metrô de Caracas, além dos serviços intermitentes de telefonia celular e Internet.

"Ficamos parados na Imigração por cerca de uma hora. Não tinha sinal de telefone, ou Internet", disse à AFP Estefanía Freire, que esperava para embarcar em um voo internacional em Maiquetía. 

Esses cortes no fornecimento de energia elétrica são frequentes na Venezuela, sobretudo, no interior. Em vários estados do oeste, como o petroleiro Zulia, aplica-se um racionamento diário que chega a durar 12 horas. 

O governo atribui os apagões a "sabotagens" de seus adversários para criar descontentamento popular, enquanto a oposição os vincula à deterioração da infraestrutura, devido à falta de investimento, imperícia e corrupção.

Em Caracas, os apagões são menos frequentes, mas, entre dezembro e fevereiro passado, foram registrados alguns que se prolongaram por várias horas. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade