Publicidade

Correio Braziliense

Irã: parlamento determina saída de ministro das Finanças

Críticos do ex-ministro das Finanças, Masoud Karbasian, disseram que o governo não conseguiu fazer o suficiente para sustentar a economia


postado em 26/08/2018 10:56 / atualizado em 26/08/2018 11:14

O parlamento do Irã votou neste domingo para demitir o ministro das Finanças, o que representa outro duro golpe para o presidente Hassan Rouhani, que enfrenta o crescente descontentamento com a economia.

Críticos do ex-ministro das Finanças, Masoud Karbasian, disseram que o governo não conseguiu fazer o suficiente para sustentar a economia quando o presidente Donald Trump começou a restaurar as sanções, depois de retirar os Estados Unidos do acordo nuclear de Teerã com potências mundiais.

O presidente do Parlamento, Ali Larijani, disse que 137 dos 260 legisladores presentes votaram contra Karbasian no domingo. No início deste mês, os legisladores demitiram o ministro do Trabalho de Rouhani, Ali Rabiei, por motivos semelhantes.

A moeda local caiu nos últimos meses, fazendo com que os preços subissem e acabassem com as economias de muitas pessoas.

Pensadores "linha-dura" no Irã colocam a crise na conta de Rouhani, um político relativamente moderado que foi reeleito no ano passado. Fonte: Associated Press.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade