Publicidade

Correio Braziliense

Cuba: EUA aumenta hostilidades antes da votação na ONU sobre bloqueio

O projeto é votado ano a ano na plenária mundial há mais de duas décadas e conta com o apoio da maioria


postado em 14/10/2018 21:03

Havana, Cuba - Cuba denunciou neste domingo (14/10) uma escalada hostil dos Estados Unidos contra a ilha, a duas semanas da votação na ONU da resolução que pede a suspensão do bloqueio aplicado por ao país desde 1962.


Segundo o diretor-geral para Estados Unidos da chancelaria cubana, Carlos Fernández de Cossío, Washington "recorre a reiterados pronunciamentos de altos funcionários destinados a fabricar pretextos para levar a um clima de maior tensão bilateral".

Em um comunicado, assegurou que Washington "dedica todo ano recursos milionários para atentar contra a ordem constitucional cubana, interferir nos assuntos internos e financiar indivíduos que atuam como agentes de uma potência estrangeira".

Em 31 de outubro, se votará na Assembleia Geral da ONU uma resolução contra o embargo que os Estados Unidos aplica à ilha socialista. O projeto é votado ano a ano na plenária mundial há mais de duas décadas e conta com o apoio da maioria. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade