Publicidade

Correio Braziliense

Vítimas do nazismo pedem nacionalidade alemã ante futuro Brexit

Assim como a Alemanha, vários países europeus registraram um grande número de pedidos de britânicos que desejam obter um passaporte da UE ante o futuro Brexit.


postado em 19/10/2018 09:51

(foto: Daniel LEAL-OLIVAS / AFP)
(foto: Daniel LEAL-OLIVAS / AFP)
 
Berlim, Alemanha - Centenas de vítimas do nazismo privadas da nacionalidade alemã pelo regime de Hitler e que se tornaram britânicas solicitaram passaporte alemão após o referendo sobre a saída do Reino Unido da UE, de acordo com dados publicados nesta sexta-feira.

O artigo 116-2 da Constituição da Alemanha afirma que as pessoas e seus descendentes privados da nacionalidade alemã "por razões políticas, raciais ou religiosas" entre 30 de janeiro de 1933, data em que Adolf Hitler chegou ao poder, e a rendição em 8 de maio de 1945 podem recuperar, desde que solicitem, a nacionalidade alemã.

Em 2015 foram apresentadas 43 solicitações do tipo. Em 2016 chegaram a 684, sendo 657 após a vitória do "Sim" no referendo sobre o Brexit em 23 de junho. Em 2017, o número aumentou a 1.667, de acordo com dados divulgados pelo ministério do Interior.

No total, de acordo com dados publicados em maio, 622 britânicos receberam a nacionalidade alemã, 2.865 em 2016 e 7.493 em 2017.

Assim como a Alemanha, vários países europeus registraram um grande número de pedidos de britânicos que desejam obter um passaporte da UE ante o futuro Brexit.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade