Publicidade

Correio Braziliense

Trump ameaça fechar fronteira com México e não descarta paralisação do governo

Em pleno feriado local do Dia de Ação de Graças, Trump lembrou a repórteres que autorizou o envio de milhares de soldados na fronteira e disse que eles poderão usar força letal contra os imigrantes


postado em 22/11/2018 16:32 / atualizado em 22/11/2018 17:41

O presidente tampouco descartou a possibilidade de paralisação parcial do governo em dezembro(foto: AFP)
O presidente tampouco descartou a possibilidade de paralisação parcial do governo em dezembro (foto: AFP)

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ameaçou nesta quinta-feira fechar a fronteira entre seu país e o México, caso seu governo conclua que a situação dos imigrantes em território mexicano está "fora de controle". Além disso, ele não descartou que seu governo possa sofrer uma paralisação parcial em dezembro, se a oposição democrata não aprovar mais dinheiro para a construção de um muro.

Em pleno feriado local do Dia de Ação de Graças, Trump lembrou a repórteres que autorizou o envio de milhares de soldados na fronteira e disse que eles poderão usar força letal contra os imigrantes "se tiverem de fazer isso". Sobre os imigrantes e refugiados acampados na cidade fronteiriça mexicana de Tijuana, vindos da América Central em busca de uma vida nova nos EUA, Trump disse que há "uma situação muito ruim" na cidade. "Se vemos que é incontrolável", então "fecharemos a entrada ao país durante um período de tempo até que consigamos controlá-la. Toda a fronteira". Trump disse "esperar que não tenha de fazer isso", mas argumentou que eventualmente poderia "não ter opção".

O presidente tampouco descartou a possibilidade de paralisação parcial do governo em dezembro, caso os legisladores se neguem a destinar bilhões de dólares à construção de um muro fronteiriço com o México. Segundo ele, "certamente" isso pode ocorrer, por causa da questão da segurança fronteiriça, "do qual o muro é parte". Trump falou a repórteres em seu clube de golfe na Flórida. Fonte: Associated Press.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade