Publicidade

Correio Braziliense

Incêndio deixa seis mortos em prédio na Suíça

Seis pessoas, incluindo várias crianças, morreram na madrugada desta segunda-feira (26) no incêndio


postado em 26/11/2018 17:09

Uma pessoa foi presa, de acordo com a polícia do cantão suíço, onde ocorreu a tragédia(foto: AFP)
Uma pessoa foi presa, de acordo com a polícia do cantão suíço, onde ocorreu a tragédia (foto: AFP)
 
Genebra, Suíça - Seis pessoas, incluindo várias crianças, morreram na madrugada desta segunda-feira (26) em um incêndio em um prédio na cidade de Soleure, no noroeste da Suíça, que parece ter sido causado pelo uso indevido de "itens para fumar", anunciou a polícia em um comunicado.

Uma pessoa foi presa, de acordo com a polícia do cantão suíço, onde ocorreu a tragédia.

"Havia mais de 20 pessoas no prédio, a maioria das quais foi evacuada com a ajuda dos bombeiros. Os serviços de emergência chegaram tarde demais para seis pessoas, incluindo crianças", acrescentou.

"Um morador do prédio constatou, às 02h10 (23h10 em Brasília), fumaça na escada" e avisou aos serviços de emergência, acrescentou o comunicado.

No pequeno edifício de três andares havia "mais de 20 pessoas" que, "em sua maioria, foram retiradas pelos bombeiros", disse a polícia, acrescentando que o prédio ao lado também foi evacuado por precaução.

Algumas das pessoas atendidas tiveram que ser hospitalizadas, disse a imprensa suíça. "Segundo os primeiros elementos, o fogo foi declarado nos andares inferiores e provocou uma considerável fumaça", informou a polícia, que agora busca determinar suas causas.

Um funcionário de uma agência dos Correios situada perto do imóvel incendiado declarou ao veículo 20Minuten.ch que nele viviam solicitantes de refúgio. Segundo o funcionário de uma cafeteria do bairro, entrevistado pela AFP, havia vários eritreus entre as vítimas.

"No início, achei que houvesse muita névoa. Depois vi uma luz azul e ouvi as sirenes", contou um morador, também ao 20Minuten.ch, explicando que, depois, ouviu gritos de pessoas presas no edifício.

O prédio que pegou fogo fica no centro de Soleure. Sua fachada resistiu às chamas, mas o interior dos apartamentos foi bastante afetado.

Em declarações ao mesmo veículo, o prefeito de Soleure, Kurt Fluri, disse estar profundamente abalado. "Sinto muitíssimo. Estou com os familiares e espero que os feridos se restabeleçam rapidamente", afirmou.

Segundo Fluri, a fumaça foi "problemática" neste incêndio. "Não dava para escapar. Parece que alguns pularam pela janela", afirmou.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade