Publicidade

Correio Braziliense

Trump deve anunciar investimentos durante encontro com presidente argentino

O acordo envolve energia elétrica e renováveis. De acordo com a imprensa da Argentina, a negociação é para ampliar os aportes até 2030. Atualmente os chineses são os principais investidores estrangeiros na Argentina


postado em 27/11/2018 08:15 / atualizado em 27/11/2018 08:45

(foto: Jim WATSON / AFP)
(foto: Jim WATSON / AFP)
 
Os presidentes dos Estados Unidos, Donald Trump, e da Argentina, Mauricio Macri, devem se reunir na próxima sexta-feira (30/11), em Buenos Aires.

A imprensa argentina informa que a expectativa é que Trump anuncie acordos de cooperação e assessoria para gerar investimentos de empresas norte-americanas em energias convencionais e não convencionais.
 
O acordo envolve energia elétrica e renováveis. De acordo com a imprensa da Argentina, a negociação é para ampliar os aportes até 2030. Atualmente os chineses são os principais investidores estrangeiros no país.

Foram quatro ajustes de agenda até fechar a data do encontro entre Trump e Macri na sexta-feira.

A conversa ocorrerá no primeiro dia da Cúpula do G20 (que reúne as maiores economias do mundo) em Buenos Aires.

A conversa entre os presidentes ocorre justamente no momento em que a Argentina voltará a exportar carne para os Estados Unidos, depois de 17 anos de interrupção.

Internamente, a presença de Trump na Argentina é um fortalecimento para Macri, que passa por um momento de críticas da sociedade argentina.

Trump desembarcará em Buenos Aires com uma delegação bastante numerosa – a quantidade exata não foi divulgada. Não há previsão de entrevistas coletivas.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade