Publicidade

Correio Braziliense

CNN demite comentarista após polêmica sobre Israel

Marc Lamont Hill pediu "uma Palestina livre do rio ao mar", uma declaração que alguns associaram com o movimento islamita palestino Hamas


postado em 30/11/2018 19:01

(foto: Reprodução/Twitter )
(foto: Reprodução/Twitter )
 
 
A rede americana CNN disse nesta quinta-feira que pôs fim ao contrato com um de seus comentaristas depois de que ele emitiu declarações controversas sobre o conflito entre israelenses e palestinos em um evento da ONU. 

"Marc Lamont Hill não tem mais um contrato com a CNN", disse um porta-voz em uma breve declaração publicada no site da rede de televisão. 

Hill, que é professor na Universidade de Temple, na Filadélfia, falou em um fórum organizado pela ONU, no âmbito do "Dia Internacional da Solidariedade com o Povo Palestino". 

O especialista pediu "uma Palestina livre do rio ao mar", uma declaração que alguns associaram com o movimento islamita palestino Hamas. 

"Do rio ao mar" é uma frase usada pelo Hamas e outros grupos extremistas pró-palestina que defendem a libertação total da Palestina do rio Jordão ao mar Mediterrâneo.

Hill se referiu à polêmica no Twitter, afirmando que a frase "não era um chamado a destruir nada nem ninguém". "Era um chamado à justiça, tanto em Israel como na Cisjordânia e em Gaza", indicou. "Eu apoio a autodeterminação da Palestina. Sou muito crítico em relação à política e às práticas de Israel". 

"Não apoio o antissemitismo, nem o assassinato de pessoas judias nem nenhuma dessas outras coisas atribuídas ao meu discurso", acrescentou. "Passei toda a minha vida lutando contra essas coisas". 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade