Publicidade

Correio Braziliense

Papa Francisco pede por solução política para guerra civil na Síria

Falando de uma sacada da Basílica de São Pedro, o papa expressou sua esperança de que a comunidade internacional alcance uma solução para o conflito de quase oito anos na Síria


postado em 25/12/2018 15:20 / atualizado em 25/12/2018 15:19

(foto: AFP / Tiziana FABI)
(foto: AFP / Tiziana FABI)
O papa Francisco pediu nesta terça-feira (25) uma solução política para a guerra civil na Síria, menos de uma semana depois da decisão do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de retirar as tropas norte-americanas do país.

As declarações do papa vieram em seu discurso anual de Natal - "Urbi et Orbi - à cidade (de Roma) e ao mundo" - que tradicionalmente aborda os problemas globais mais graves e faz um apelo à paz em todo o mundo.

Falando de uma sacada da Basílica de São Pedro, o papa expressou sua esperança de que a comunidade internacional alcance uma solução para o conflito de quase oito anos na Síria, e assim permita que milhões de refugiados retornem as suas comunidades.

O papa Francisco falou muitas vezes sobre a Síria desde o primeiro ano de seu pontificado, em 2013, quando realizou um culto de oração na Praça de São Pedro como forma de se opor a um ataque militar planejado pelo governo Obama contra o regime do presidente sírio Bashar al-Assad.

Em seu discurso de Natal, o papa também expressou apoio ao "caminho de reaproximação recentemente empreendido" na península coreana. O papa também pediu por um diálogo renovado entre israelenses e palestinos e pela liberdade religiosa das minorias cristãs em vários países. Suas observações também abordaram os conflitos no Iêmen, na Venezuela e na Nicarágua.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade