Publicidade

Correio Braziliense

Facebook elimina 'várias' contas e páginas com base na Rússia

A agência russa Sputnik reagiu e chamou a medida de "puramente política" e uma "questão de censura"


postado em 17/01/2019 15:57

(foto: Agência France Presse )
(foto: Agência France Presse )
 
Washington, Estados Unidos - O Facebook anunciou nesta quinta-feira (17) que irá eliminar "várias páginas, grupos e contas" com base na Rússia por considerar que têm um "comportamento fictício".

"Eliminamos muitas páginas, grupos e contas por comportamento fictício no Facebook e Instagram", indicou em um blog Nathaniel Gleicher, chefe de cibersegurança da principal rede social do mundo.

A empresa comandada por Mark Zuckerberg usou com exemplo duas operações originadas na Rússia, uma ativa em "vários países" e a outra, na Ucrânia.

"Não encontramos nenhum vínculo entre essas operações, mas foram utilizadas táticas similares ao criar redes de contas para enganar outros sobre quem era e o que estavam fazendo", explicou Gleicher.

"Trabalhamos constantemente para detectar e deter este tipo de atividade porque não queremos que nossos serviços sejam usados para manipular as pessoas", acrescentou Gleicher.

A rede social se viu envolvida durante quase dois anos em escândalos, acusada principalmente de ter deixado os dados pessoais de milhões de usuários nas mãos da empresa britânica Cambridge Analytica (CA), que usou-os durante a campanha presidencial de Donald Trump em 2016.

Desde então, a companhia americana tenta demonstrar que toma medidas para proteger melhor a informação dos seus usuários. 

A agência russa Sputnik reagiu e indicou que 364 páginas afetadas pela decisão da rede social estão "vinculadas" à empresa, que chamou a medida de "puramente política" e uma "questão de censura".

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade